Desarticulada quadrilha que instalava ‘chupa- cabras’ em bancos

Os suspeitos ainda tentaram fugir após a abordagem da polícia.

Policiais militares de Porto Seguro prenderam neste domingo (16), em Santa Cruz Cabrália, dois homens suspeitos de terem instalado “chupa cabras” (aparelhos que copiam dados) em caixas eletrônicos da região. Os agentes fizeram a prisão após receberem denúncias anônimas. Os suspeitos ainda tentaram fugir após a abordagem da polícia, mas foram interceptados pela Companhia de Emprego Tático Operacional – CETO, já na orla de Porto Seguro. Francisco Daniel Andrade de Lima e Samuel Santos Nascimento confessaram o crime e, no quarto de hotel em que estavam hospedados, foram encontrados um caderno com anotações de contas bancárias e senhas, notebook, tablet, extratos de contas bancárias das vítimas, máquina de cartão, R$1.500, adesivos com logomarca de vários bancos, comprovantes de pagamentos realizados com cartões das vítimas e aparelhos bloqueadores de cartão.

Daniela Dias era a contadora do grupo.

A polícia prendeu, ainda, Daniela Dias Alves, que participava do esquema como contadora. Os três foram apresentados na Delegacia da Polícia Federal, onde foi descoberto que eles já haviam aplicado o mesmo golpe em Vitória (Espírito Santo) e no Rio de Janeiro. A polícia estima que a quadrilha já desviou pelo menos R$20 mil entre saques e pagamentos de contas através da máquina de débito automático. Informações do Correio/Fotos: Radar 64.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *