Trânsito de Ipiaú oficialmente passa a ser municipalizado

Polícia Militar e agentes da prefeitura começaram a atuar nesta segunda-feira.

Tendo em vista ser a cobrança pela organização do trânsito da cidade um dos maiores reclames da população local, uma ação conjunta e pioneira entre a Prefeitura Municipal de Ipiaú, através do Departamento Municipal de Trânsito e a 55ª CIPM deu início de forma efetiva na manhã desta segunda-feira (23) a um intenso trabalho de fiscalização e organização do trânsito de Ipiaú, principalmente nos pontos considerados críticos que envolvem o centro da cidade. Além da fiscalização e organização, o trabalho realizado pelo Dep. De Trânsito da PMI e a 55ª CIPM envolve também ações voltadas para a conscientização e educação do trânsito da cidade, através de campanhas e distribuição de material didático. Para o Ten. PM Fabiano Santos, a iniciativa da Prefeitura e o apoio da Polícia Militar são de fundamental importância para a solução dos problemas enfrentados pela comunidade local e flutuante em relação ao trânsito, sendo que, para ele, o sucesso de todo o trabalho passa pela participação e colaboração de todos. “A Polícia trabalhará sob a égide do princípio da legalidade e estará como sempre atenta para que a comunidade tenha definitivamente um trânsito organizado e seguro”, declarou o Tem PM Fabiano Santos. De acordo com o diretor municipal de Trânsito Aloísio Teixeira Mendes, o governo municipal tomou a inciativa de trabalhar efetivamente pela melhoria do trânsito da cidade, atendendo à solicitação da própria população que reclamava por mais acessibilidade e segurança. “Essa é uma iniciativa pioneira, é mais um desafio que o governo municipal assume e que, com o apoio da Polícia Militar e da comunidade, haveremos de vencer, afinal de contas, cada um tem sua parcela de responsabilidade na luta por uma cidade cada vez melhor, principalmente no que se refere ao trânsito”, afirmou Aloísio Teixeira.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *