Após dispensar 12 ‘viciadas’, empresário procura funcionária que não tenha WhatsApp

Foto:Divulgação

“Precisa-se de Vendedora com Experiência (Obs: Sem whatsapp)”, com esse anúncio o empresário de Uberlândia Gilmar Gomes decidiu procurar uma nova funcionária, após ter dispensado outras doze, dentro de 15 dias, devido ao uso excessivo do aplicativo de mensagens instantâneas. O empresário conta que as candidatas à vaga não passavam no teste, pois “ao invés de atender as clientes, ficavam com o celular em mãos”. “Só se ouvia o barulho do aplicativo”, afirmou, em entrevista ao portal G1. O cartaz com o anúncio foi fixado do lado de fora da loja, localizada no centro de Uberlândia, em Minas Gerais. “Eu não sabia mais o que fazer e foi então que surgiu a ideia. Antes de colar o papel na porta da loja, recebia quase 20 currículos por dia”, disse o empresário. Após a imagem do anúncio ser divulgada no Facebook, cerca de 400 pessoas compartilham a “curiosidade” e, segundo Gomes, algumas pessoas criticaram sua atitude de buscar alguém que não possui WhatsApp. Com a repercussão do caso, o empresário conseguiu uma nova funcionária que preenche o requisito. “Achei legal a ideia, pois acaba economizando tempo e evitando desgaste para o empresário. É complicado toda hora ter que ficar chamando atenção de funcionária por causa disso”, contou Aline Souza, de 35 anos, a nova contratada. E sem WhatsApp.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *