Ipiaú: secretária de saúde destaca ações de combate a escorpiões na cidade

DSC03758
Em resposta imediata ao comentário de surgimento e de casos de acidentes com escorpiões em determinados pontos da cidade, a secretária de saúde do município, Jamine Barros de Araújo determinou a mobilização de prepostos da Vigilância Sanitária, Agentes de Saúde e da própria secretaria, a exemplo da realizada na última quarta-feria, com o acompanhamento do vereador Adelfran Bacelar, para realizarem uma ação conjunta de visitas domiciliares, orientação sobre os cuidados e distribuição de material informativo sobre como evitar os ataques dos aracnídeos, cuja proliferação aumenta neste período do ano. Falando sobre o surgimento de escorpiões em alguns pontos da cidade, durante entrevista ao programa Mais perto de Você, na tarde desta quinta-feira(19), a secretária Jamine Barros de Araújo declarou que embora não seja possível a erradicação do escorpião na cidade, porém diversas ações podem ser feitas no sentido de controlar e diminuir o número de acidentes.

DSC03767

De acordo com a secretária municipal de saúde, existe uma portaria do Ministério da saúde que regulamenta o controle da incidência do escorpião, o qual é de responsabilidade da Vigilância em Saúde, que deve fazer o registro, captura, apreensão e eliminação de animais que apresentam risco à saúde do homem, cabendo ao estado a supervisão, acompanhamento e orientação dessas ações que passam por visita aos locais onde ocorreu o surgimento do escorpião, realização de busca ativa, vistoria acompanhada do morador de todo o prédio ou terreno e orientação sobre como proceder diante da situação de risco de acidente. A secretária afirmou ainda que, pelo fato de não haver um embasamento legal ou mesmo necessidade técnica, a aplicação de veneno por parte da secretaria foi desativada, já que esse procedimento pode matar o escorpião grande, mas não mata os filhotes que se desenvolvem em lugares inacessíveis. Em relação às medidas que podem ser adotadas pela comunidade no combate e prevenção do escorpião, a secretária Jamine Barros de Araújo destacou a desativação de possíveis focos, manter limpos quintais e jardins, não acumular folhas secas, acondicionar o lixo em sacos fechados, não jogar lixo em terrenos baldios, evitar queimadas de terrenos, observar o acondicionamento de lenhas em padarias, ter cuidado na hora de acondicionar madeira nas serrarias, reparar rodapés soltos, colocar telas em janelas, ralos e aberturas de ventilação de porões, manter vedados pontos de energia e telefone. Além disso, a secretária alerta a comunidade para buscar junto à secretaria o amparo e a orientação em caso de surgimento de escorpião nas casas.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *