Ex-prefeito é condenado por fraude em licitação

Empresário Darci Vedoin, um dos condenados. Foto: G1

Empresário Darci Vedoin, um dos condenados. Foto: G1

A Justiça Federal condenou o ex-prefeito de Brejões, Florisvaldo Araújo, e outras quatro pessoas por fraude em licitação na compra de ambulância. Além do ex-gestor, Gileno Vieira de Almeida, Hildelson Mascarenhas dos Santos, Darci José Vedoin, Luiz Antônio Trevisan Vedoin, Olegário José dos Santos e a empresa Santa Maria Comércio e Representações Ltda. foram obrigadas a devolver aos cofres R$ 6,8 mil, a pagar multa de R$ 13,6 mil, além de terem tido os direitos políticos suspensos por oito anos e proibidos de realizar contratos com o Poder Público por cinco anos. No processo, a União alegou que os réus fraudaram e superfaturaram licitação para compra de ambulância por convênio com o Ministério da Saúde. O esquema consistia em pagar propina a deputados, prefeitos e funcionários públicos, para que as empresas participantes fossem beneficiadas nas licitações. Segundo o processo, as empresas supostamente concorrentes no certame davam “cobertura” à vencedora em licitações. De acordo com os autos, o veículo foi contratado por R$ 79,2 mil, acima dos R$ 72,5 mil que deveriam ser pagos na operação. Uma auditoria feita pela pasta e pela Controladoria Geral da União comprovou que a licitação não foi teve pesquisa de preços anterior e que não consta na ata de reunião os nomes dos representantes das empresas que enviaram proposta e nem como seria feito o pagamento. Nota do Bahia Notícias

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *