Daily Archives: 19/11/2016

Itagibá: Dr. Gilson anuncia auditoria e empreendimento que deverá gerar empregos

fonsec-453x333

o prefeito eleito de Itagibá, o médico Dr. Gilson Fonseca, relatou uma situação que ele acredita ser grave e que exige visão racional por parte do prefeito. “Vou ter de administrar com a razão. O coração será usado na medicina e dentro daquilo que podermos ajudar mas a administração em si terá que ser feita com toda a firmeza daquele que sabe dizer sim e não”, afirmou. Ele comentou a dificuldade do desemprego, acentuando que o poder público em sua gestão não funcionará como “cabide”. “A prefeitura não pode ser o único órgão a empregar no município. As prefeituras de maneira geral estão passando por uma fase difícil. O índice de pessoal em Itagibá está muito acima do normal. Durante minha campanha tive muito cuidado para não me comprometer com pessoas que poderiam cobrar emprego e acima de tudo busquei mostrar a realidade. Para Itagibá melhorar vai depender muito do meu trabalho e da compreensão do povo”, disse.

Parcerias

Em sua entrevista, Dr. Gilson Fonseca trouxe no Fala Ipiaú informações sobre a sua busca por novos investimentos em Itagibá, trazendo inclusive a notícia de que um empreendimento novo deverá ser implantado em breve. “Tenho hoje um deputado muito atuante, que é o deputado Sandro Régis e abertura muito boa com o ministro Geddel e seu irmão Lúcio. Vamos conversar com os comerciantes, prepara-los para que eles possam participar de licitações para que possamos comprar mais em nível local, aquecendo o emprego. Temos um empresário filho de Itagibá que se tornou uma pessoa de sucesso fora. Já me pediu uma área onde podesse montar uma pequena indústria onde deverá empregar inicialmente entre 30 a 40 empregos e esperamos que outros possam investir na cidade”.

Auditoria

“Gostaria de receber a prefeitura pelo menos como eu deixei, pisando em um solo seguro mas, infelizmente, parece que a coisa não está boa. Estamos com um grupo de transição já trabalhando na prefeitura e assim que eu estiver com tudo em mãos levarei ao conhecimento público. O prefeito que tomar posse e não fizer uma auditagem assume a responsabilidade de tudo que está errado lá. Não faço por vingança. Sou obrigado a fazer. O que está errado tenho que encaminhar ao Ministério Público e Tribunal de Contas”, comentou o novo prefeito.

2017
Para Gilson Fonseca, o ano que está para se iniciar reserva mais aperto. “Vai ser um ano amargo. Vou chegar em um município em que teremos que pagar mais de 500 mil por mês só de INSS, uma folha encharcada, empréstimo que nunca foi tomado antes este governo tomou e tudo isso com as obrigatoriedades de pagar duodécimo à Câmara, Coelba, Embasa, Saúde, Educação. Tenho que fazer um planejamento com base na realidade e, se não fizermos isso, não teremos sucesso. Vamos pegar uma prefeitura complicada”.

Ipiaú on Line

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ubatã: Câmara aprova aumento de salários de vereador, prefeita e secretários

Sessão ocorreu nesta quinta-feira (Foto: Ubatã Notícias)

Sessão ocorreu nesta quinta-feira (Foto: Ubatã Notícias)

A Câmara Municipal de Ubatã aprovou, em sessão realizada na noite desta quinta-feira (18), o aumento de salários para vereador, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais válidos para o mandato 2017-2020. Com a aprovação, os vereadores terão salário a partir de 2017 de R$ 7.590,00; prefeita terá vencimento de R$ 20 mil; vice-prefeito R$ 10 mil e secretários municipais e cargos com status de secretário no valor de R$ 6 mil. Por Lei, os salários de vereadores, prefeitos e demais autoridades supracitadas só podem ser votados num mandato para passar a valer no mandato seguinte. Os aumentos concedidos ficaram abaixo da inflação acumulado no período, que foi superior a 23%. Em tempo, o Projeto de Lei segue agora para a sanção da prefeita. (Ubatã Notícias)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Homem é preso e confessa estuprar filha de 16 anos; vítima está grávida

Agressor usava camisa com piada pornográfica (Foto: Liberdade News)

Agressor usava camisa com piada pornográfica (Foto: Liberdade News)

Um homem de 47 anos foi preso por estuprar a própria filha, de 16 anos, em Cruzeiro do Sul, distrito do município de Vereda, no extremo sul da Bahia. Segundo informações da delegacia de Teixeira de Freitas, onde o caso foi registrado, a adolescente está grávida e vai passar por exames para confirmar a paternidade do bebê. No momento da prisão, homem usava camisa com frase pornográfica em que dizia “Pinto educado é o meu. Que levanta para a mulher sentar”. Ainda de acordo com a delegacia, ele foi preso depois que denúncias anônimas foram feitas ao conselho tutelar do município. Em depoimento à polícia, o homem confessou o crime e contou cometer os abusos há cerca de seis anos, quando a garota tinha 10 anos. A polícia investiga o caso para descobrir se a mãe da vítima sabia dos abusos. A prisão aconteceu na quinta-feira (17), em Vereda, e no mesmo dia o homem foi encaminhado para delegacia de Teixeira de Freitas. Até a manhã desta sexta-feira (18), o criminoso seguia no local aguardando uma transferência para o Conjunto Penal da cidade. Já a adolescente ficou sob cuidado de familiares no município de Vereda. O Conselho Tutelar também acompanha o caso. (G1)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ubatã: Ubatambor realiza Cortejo Afro pelo dia da Consciência Negra

4ª Edição do Cortejo Afro do Ubatambor – Foto: (Ubatã Notícias/Frank Barreto)

4ª Edição do Cortejo Afro do Ubatambor – Foto: (Ubatã Notícias/Frank Barreto)

Aconteceu nesta sexta feira 18/11, a 4ª edição do Cortejo Afro pela Consciência Negra, organizado pelo Grupo Ubatambor, o evento contou com a presença de escolas, Grupo Ubatambor, Grupo Tribo Timbalando, Grupo de dança do 7º ano do Cool, Marlon Tigrão, Iago Farias, e locução de Claúdio Reis. O Cortejo teve inicio na praça João Dudu indo até a pça Rui Barbosa, onde aconteceu a fala do Padre Marcos Alcantara e algumas apresentações dos grupos presentes, com várias manifestações da cultura afrodescente, música e dança, marcando assim a manifestação em comemoração à consciência Negra que lembra a Libertação dos escravos no dia nacional da consciência negra, 20 de novembro, o negro no Brasil quilombo dos palmares Zumbi, Lei do Ventre Livre, Lei dos Sexagenários, Lei Áurea 13 de maio de 1888, marginalização dos negros e preconceito racial.(Ubatã Notícias\Frank Barreto)

*Veja mais fotos e vídeo no site canoatan

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Porto Seguro: Barracas Axé Moi e Tôa-Tôa podem não existir no próximo verão

247837

Durante audiência pública realizada na Câmara Municipal de Eunápolis nesta quinta-feira (17), a Justiça Federal da 1ª Região (TRF1) discutiu as adequações que serão realizadas nas barracas de praia da cidade de Porto Seguro, a exemplo das conhecidas Axé Moi e Tôa-Tôa. De acordo com o Bahia 40 Graus, um pré-acordo firmado determina que as barracas tenham 80% da área total demolidas, reduzindo os empreendidos a 20% do que existe atualmente. Foram estabelecidos prazos para que as adequações sejam realizadas, permitindo o funcionamento das barracas durante está temporada de verão. Em setembro deste ano a justiça tinha determinado a demolição total de duas das barracas mais famosas da região, localizadas na praia de Taperapuã. A gestão municipal tem atuado para manter Porto Seguro como um dos principais destinos turísticos. Além disso, a prefeitura empenha esforços para manter os empregos no setor, com o objetivo de diminuir os impactos que essa medida pode trazer na economia da cidade.
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Vaquejada e briga com Geddel derrubam ministro da Cultura do Governo Temer, Marcelo Calero

Marcelo Calero pede demissão do cargo. Foto: Agência Brasil

Marcelo Calero pede demissão do cargo. Foto: Agência Brasil

O ministro da Cultura, Marcelo Calero, pediu demissão ao presidente Michel Temer nesta sexta-feira (18/11), que logo convidou o deputado Roberto Freire (PPS-SP) para comandar a pasta. Temer agiu rápido, na tentativa de não alimentar nova agenda negativa para o governo. Segundo o blog da Coluna do Estadão, uma das razões que motivaram a saída de Calero foi o impasse em torno do projeto, aprovado no Senado na semana passada, que dá à vaquejada status de manifestações da cultura nacional e os eleva à condição de patrimônio cultural imaterial do Brasil. Com um relatório do Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan) em mãos, o ministro chegou a pedir ao presidente Michel Temer que vetasse a lei. Encontrou obstáculos de ministros próximos ao presidente, inclusive Geddel Vieira Lima, de Governo, e outros que defendem ainda que Temer faça um evento grandioso para sancioná-la já que o tema teve muita repercussão com a manifestação de vaqueiros em Brasília. Freire é presidente nacional do PPS e ficou surpreso com o convite, feito à noite. ”Vou analisar o que Calero fez e dar continuidade ao trabalho. O governo Temer é de ponderação, de diálogo, não acirra conflito”, afirmou Freire ao Estado. A carta de demissão de Calero foi entregue a Temer na noite de quinta-feira, no Palácio do Planalto. Na ocasião, o presidente pediu que ele reconsiderasse a decisão. No fim da tarde de ontem, porém, o então ministro ligou para Temer e disse que deixaria mesmo o Ministério.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Guloso: Geddel Vieira Lima diz que não abre mão de vencimentos acima do teto

”Estou no teto”, disse Geddel Vieira Lima. Foto: Beto Barata

”Estou no teto”, disse Geddel Vieira Lima. Foto: Beto Barata

Diferentemente do ministro Eliseu Padilha (Casa Civil), o ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) disse ao Blog que não abrirá mão de parte do salário para adequar os vencimentos ao teto constitucional. Para Geddel, não há ilegalidade e nem imoralidade na sua decisão. Segundo revelou o jornal ”O Globo”, três ministros recebem vencimentos acima do teto (atualmente em R$ 33.763, o mesmo que recebe um ministro do Supremo Tribunal Federal): Padilha, Geddel e Osmar Terra (Desenvolvimento Social e Agrário). Geddel também recebe salário e aposentadoria de deputado. No total, ganha R$ 51.288,25. A aposentadoria é do IPC, o antigo Instituto de Previdência dos Congressistas. O governo prepara um texto de reforma da Previdência. Padilha decidiu abrir mão de parte do salário como um gesto simbólico. ”Entendo a decisão de Padilha. Ele tem o argumento de quem está à frente da reforma da Previdência. Mas, para mim, abrir mão de um direito é um simbolismo ruim. Se quiser isso, tem que mudar a lei”, disse Geddel. ”Estou no teto. O resto é uma aposentadoria privada, assim, considerada por um acórdão do Tribunal de Contas da União”, disse o ministro numa referência a aposentadoria do IPC.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ex presidiário é morto a tiros no Jardim Tropical

noticias-d989e9cc4a.Um ex presidiário foi executado a tiros pouco tempo depois de ter saído do Conjunto Penal de Jequié. A vítima foi Thiago Oliveira Nunes, de 33 anos de idade. Segundo informações policiais, o crime aconteceu por volta das 20 horas de quinta feira (17), próximo ao galpão comunitário no Loteamento Jardim Tropical. Até o momento a polícia não sabe quem atirou em Thiago e nem a motivação. A Polícia Civil investiga o caso.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint