Itagibá: Mulher que matou marido com facada no pescoço, diz que sofria agressões

Mulher diz que sofria agressões do marido.

Mulher diz que sofria agressões do marido.

Presa preventivamente depois de confessar  ter assassinado o seu companheiro com uma facada no pescoço,  Márcia Maia dos Santos a teria afirmado aos policiais que era agredida constantemente por Devanei.  Moradores da localidade afirmam que as brigas no relacionamento do casal já tinham virado rotina. Apontada pelo próprio pai como autora do crime, Márcia foi presa no distrito, cerca de duas horas após o homicídio. Márcia foi conduzida pela Guarnição Delta do Pelotão da PM até a delegacia de Jequié, onde foi apresentada em flagrante a um delegado plantonista.  Em seguida foi encaminhada para o Complexo Policial de Itagibá, onde permanece detida.

Homem foi socorrido por populares, mas morreu a caminho do hospital de Ipiaú.

Homem foi socorrido por populares, mas morreu a caminho do hospital de Ipiaú.

O crime ocorreu na noite desta sexta-feira(11) no distrito de Acaraci, local divido entre os municípios de Itagibá e Dário Meira. “Devanei” foi vítima de uma facada no pescoço. Populares socorreram a vítima e a encaminharam para o Hospital Geral de Ipiaú, onde já chegou sem os sinais vitais. O corpo do esposo dela foi removido do HGI até o IML de Jequié. “Que isso sirva de lição para muitas mulheres. Quando acontecer a primeira vez, vai e denuncie. Não espere chegar a esse ponto de fazer o que ela fez”, contou um militar a reportagem do Panorama. (Panorama Ipiaú)

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *