Campeão da Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo é eleito melhor jogador do mundo pela 4ª vez

Cristiano beija troféu de melhor do mundo. Foto: Divulgação

Deu a lógica. Campeão da Liga dos Campeões, com o Real Madrid, e da Eurocopa, com a seleção de Portugal, Cristiano Ronaldo foi eleito o melhor jogador de 2016 pela Fifa, na tarde desta segunda-feira (9), em Zurique. É o quarto prêmio do atacante, que já havia vencido em 2008, 2013 e 2014. No ano passado, o português participou de 55 jogos, marcando 51 gols e dando 17 assistências. CR7 teve 34,53% dos votos e era apontado como favorito. Em segundo lugar, ficou Lionel Messi, do Barcelona, com 26,42%. Assim como todos os outros jogadores do clube catalão, ele não esteve presente à cerimônia. O francês Antoine Griezmann, com 7,53%, foi eleito o 3º melhor jogador do mundo. O brasileiro Neymar acabou na 4º colocação, com 6,23%. A votação é feita por um painel contendo os técnicos e capitães de todas as seleções filiadas à Fifa, além de uma votação do público por tempo limitadoO técnico Tite, da Seleção Brasileira, votou em Cristiano como melhor jogador, seguido por Neymar e Griezmann. Já o capitão da seleção foi representado por Daniel Alves que, até sem surpresas, votou em Messi, Neymar e Suárez, nesta ordem. Todos ex-companheiros do baiano no Barcelona. A americana Carli Lloyd ficou com o prêmio de melhor jogadora do mundo, com 20,68% dos votos. A brasileira Marta acabou com a segunda posição, com 16,6% da preferência de jogadoras, técnicas e público. Com 12,34%, a alemã Melanie Behringer ficou em 3º lugar. Entre os técnicos, melhor para Claudio Ranieri, do Leicester, e Silvia Neid, da seleção da Alemanha. O jogador de futsal Falcão foi homenageado pelo conjunto da obra e o Atlético Nacional, da Colômbia, recebeu o Prêmio Fair Play por tudo que realizou após o acidente com a Chapecoense. O Prêmio Puskás, de gol mais bonito, ficou Mohd Faiz Subri, do Penang, da Malásia, com 59,46% dos votos. Marlone, do Corinthains, com 22,86%, e Daniuska Rodriguez, da seleção sub-17 da Venezuela, teve 10,01%. Outros gols tiveram 7,68% dos votos on-line.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *