Suíça bloqueia mais de R$ 3 bi em contas ligadas à Lava Jato

A Procuradoria-Geral da Suíça anunciou nesta quarta-feira (5) que confiscou um total de US$ 1 bilhão, cerca de R$ 3,1 bilhões, em recursos ligados às investigações da Operação Lava Jato em 2016. De acordo com a Folha de S. Paulo, o valor representa um aumento em relação aos US$ 800 milhões apreendidos em 2015. As informações foram divulgadas em um relatório do procurador-geral Michael Lauber.  Até o momento, mais de mil contas na Suíça foram examinadas, incluindo as de Eduardo Cunha (PMDB), que foi condenado a mais de 15 anos de prisão.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *