Itiruçu: Jovem de 23 anos morre em confronto com Polícia Militar e família contesta versão policial

Lucas Mateus morreu depois de baleado. Foto: Reprodução

Um jovem de 23 anos, Lucas Mateus Menezes, morreu depois de baleado pela Polícia Militar de Itiruçu, na noite desta sexta-feira (28/4), na porta de um imóvel, em uma via pública da cidade. O fato teria ocorrido na Rua Tranzinho Nogueira, nas proximidades do Hospital Municipal Pedro Pimentel Ribeiro, para onde o rapaz foi socorrido após ser atingido por disparos de arma de fogo deflagrados por policiais militares lotados na 93ª Companhia Independente da Polícia Militar. A versão da PM é de que houve confronto, tendo Mateus efetuado tiro contra a viatura, havendo revide, sendo o jovem alvejado e encaminhado ao Hospital, mas não resistiu aos ferimentos à bala. O caso gerou revolta entre familiares da vítima, que chegaram a protestar em frente ao Hospital, contestando a versão da polícia, com afirmações de que Mateus estaria na companhia de uma criança, seu filho e que teria levado o menino a um salão de beleza quando ocorreu a ação.  Com Mateus, a PM informou ter apreendido um revólver calibre 32. A delegada titular de Itiruçu, Maria do Socorro Damásio, informou que Lucas Mateus possuía passagem pela polícia e que era suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas em Itiruçu. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Jequié e já liberado para a família neste sábado.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *