Flamengo massacra o Palestino e avança na Copa Sul-Americana

Geuvânio deixou o seu no primeiro tempo, quando o Fla marcou quatro gols (Foto: Apu Gomes/AFP)

O Flamengo não encontrou a menor dificuldade para assegurar a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. O rubro-negro da Gávea goleou o Palestino, do Chile, por 5 a 0, em partida disputada na noite desta quarta-feira, na Ilha do Urubu, e mostrou que já está recuperado do trauma provocado pela demissão do técnico Zé Ricardo. Na próxima etapa da competição, o Flamengo vai enfrentar a Chapecoense que eliminou o Defensa Y Justiça.

Dirigido pelo interino Jaime de Almeida, o Flamengo foi superior durante os 90 minutos e poderia até ter aplicado um placar mais elástico. O Palestino que perdeu no jogo de ida por 5 a 2, já entrou em campo, parecendo conformado com a eliminação e pouco fez para evitar a nova derrota. Os gols foram marcados por Felipe Vizeu, Geuvânio, Everton Ribeiro, Willian Arão e Vinicius Júnior. Continue lendo

O jogo 
Diante de um público pequeno, o Flamengo começou no ataque e abriu o marcador logo aos quatro minutos. Após cobrança de escanteio, Willian Arão bateu cruzado e Felipe Vizeu desviou para o gol, sem chances para o goleiro Dario Melo.

O time rubro-negro prosseguiu no ataque e, aos nove minutos, marcou o segundo gol. Everton Ribeiro fez bom lançamento para Everton que investiu pela esquerda e cruzou para a cabeçada certeira de Geuvânio. Foi o primeiro gol do atacante com a camisa do Flamengo.

Em grande desvantagem, o Palestino tentou sir para o ataque, mas esbarrava nas próprias limitações técnicas e na boa marcação da equipe carioca. Só aos 18 minutos é que a equipe chilena chegou com perigo, mas o chute de Cereceda foi bloqueado por Renê. A equipe do Chile adiantou a marcação para reduzir os espaços para as manobras do time carioca.

Depois de sair na frente, o Flamengo se acomodou e passou a administar a partida que se tornou monótona, com muitos erros de passes.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *