Prefeito de cidade na Bolívia é amarrado por acusação de não cumprir promessas

Prefeito de cidade na Bolívia é amarrado por acusação de não cumprir promessas

Foto: Reprodução / Facebook

O prefeito da cidade de San Buenaventura, na Bolívia, foi amarrado a um instrumento de tortura por moradores de uma comunidade durante o último final de semana. Segundo informações do jornal O Globo, o ato de hostilidade contra Javier Delgado aconteceu pois a população local o acusa de não cumprir promessas de campanha. A imprensa local relata que ele ficou preso pela perna direita por cerca de uma hora. A imagem do protesto foi publicada e repercutiu nas redes sociais. O prefeito já teria passado pela mesma situação em 2015 e em 2016. Segundo o jornal local El Deber, Delgado avaliou que o protesto foi motivado por questões políticas. “Foi uma total confusão, uma distorção de informações motivada por pessoas com interesses pessoais e políticos que estariam buscando revogar meu mandato”, comentou. Depois de soltar o prefeito, moradores se reuniram para conversar com ele.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *