TCU mantém bloqueio de bens de Dilma Rousseff por prejuízos à Petrobras no caso Pasadena

TCU mantém bloqueio de bens de Dilma Rousseff por prejuízos à Petrobras no caso Pasadena

Foto: Roberto Parizotti / CUT

O Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu manter o bloqueio de bens contra a ex-presidente Dilma Rousseff por conta da compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, pela Petrobras. Segundo informações da coluna Expresso, da revista Época, a Corte negou um pedido da petista para reverter a decisão. O TCU entende que a negociação trouxe prejuízo à empresa estatal e determinou que os envolvidos devem ressarcir a empresa em R$ 1,9 bilhão. O bloqueio de bens também atinge o ex-ministro Antonio Palocci e o ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli, por exemplo.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *