Terreiros de candomblé são alvos de vandalismo

Terreiros de candomblé de Juazeiro, no Sertão do São Francisco, têm sido alvo de ação de vândalos. O último a registrar queixa contra a prática de intolerância religiosa foi um terreiro situado no bairro Sol Levante. O religioso responsável pela Casa disse que por duas vezes o local foi alvo de ataque. Em uma delas, os agressores deixaram uma placa, afirmando que iriam derrubar a estrutura do templo que está ainda em construção. Segundo a TV São Francisco, os acusados arrancaram cercas e quebraram objetos. Esse não é o primeiro caso de intolerância registrada no mês na cidade. Outro terreiro no bairro Quidé também sofreu depredações. Não é a primeira vez que terreiros da cidade registram casos de intolerância. Em 2015, o terreiro de Mãe Adelaide foi alvo de vandalismo. Os criminosos jogaram pedras, quebraram telhados e destruíram objetos sagrados. À época, a sociedade civil se uniu para ajudar o terreiro. Os casos estão sendo acompanhados pela rede Sertão do São Francisco de combate ao racismo institucional e pelo conselho municipal de Promoção da Igualdade Racial.

Leia também

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *