Arquivo da categoria: Emprego

Governo anuncia valor do salário mínimo para 2018, confira

Senadores e deputados aprovaram nesta quinta-feira (13) o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018. A votação foi feita numa sessão conjunta do Congresso Nacional, e a proposta (PLN 1/2017) segue agora para a sanção do presidente da República. O projeto prevê também crescimento de 4,5% do salário mínimo.Com isso, o piso pago atualmente de R$ 937 deve subir para R$ 979. O atual formato de correção do mínimo prevê a atualização dos valores pela inflação do ano anterior e pelo crescimento do Produto Interno Bruto de dois anos antes. Como o PIB de 2016 não apresentou crescimento real (queda de 3,6%), o salário mínimo para 2018 deve sofrer apenas o reajuste correspondente ao INPC de 2017, estimado em 4,48%.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Fábrica da Ford na Bahia contrata mais funcionários para aumentar produção

Polo Industrial de Camaçari produz as linhas Ka, Ka+ e EcoSport.

A montadora Ford está contratando 150 funcionários para trabalhar na linha de produção da empresa com o objetivo de aumentar a produção na fábrica que fica no Polo Industrial de Camaçari e produz as linhas Ka, Ka+ e EcoSport. “A Ford confirma que, durante o mês de julho, vai realizar cerca de 150 contratações para atender demanda de exportação”, confirmou a montadora em nota. A empresa não informou, no entanto, se as novas contratações significam a retomada do terceiro turno, que havia sido fechado em março do ano passado, quando a montadora também abriu um Plano de Demissão Voluntária (PDV). O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari fala em até 168 novas vagas. De acordo com o diretor do órgão, Ricardo Menezes, com as novas contratações, a produção deve saltar de 900 para cerca de 1.100 carros por dia. Segundo o sindicato, a seleção está sendo realizada pela empresa RH e Cia. A Ford não informou os detalhes da seleção. *CORREIO
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Somente Hoje(18), Amanhã(19) e Sábado(20): Uma oportunidade para você que está desempregada e não sabe mais o que fazer

O Consultor Sebastião estará na cidade de Ipiaú hoje(18) e amanhã(19) e sábado(20)  no seguinte endereço: Hotel Rio De Contas,   Tv. Padre Fileto, 54-68, Ipiaú – BA ( Nos Fundos da Caixa Econômica Federal) 

Para você que está desempregada e não sabe mais o que fazer, a Romance Favorita é uma ótima oportunidade para ganhar dinheiro, você faz o seu horário de trabalho, e para você que já tem emprego é uma oportunidade para ganhar uma renda extra.

Não perca tempo e ligue, seja uma vendedora de sucesso, e o melhor, você não precisa investir nada para começar a vender.  Mande uma mensagem no ZAP agora mesmo  73 81583465 ou ligue 73 99182-1442 . Diga que viu o anuncio no Panorama Ipiaú e ganhe um super brinde na aquisição do primeiro Kit. ZAP  73 81583465

O Consultor Sebastião estará na cidade de Ipiaú hoje(18) e amanhã(19) e sábado(20)  no seguinte endereço: Hotel Rio De Contas,   Tv. Padre Fileto, 54-68, Ipiaú – BA ( Nos Fundos da Caixa Econômica Federal) 

Lucro de 30% à 40%
O que ñ vender pode devolver
Peças lindas e de qualidade
Vindas diretamente da fabrica
Variedades de mercadorias
Atendimento a domicílio
Investimento Zero $$

Veja alguns dos nossos produtos abaixo  * clique na imagem para ampliar 

veja mais no nosso site: www.atacadaofavorita.com.br 

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ramarim de Jequié demite cerca de 500 trabalhadores nos últimos dias

Foto: Reprodução/Jequié Repórter

A indústria de calçados Ramarim do Nordeste, instalada há cerca de duas décadas no Distrito Industrial de Jequié, dispensou nos últimos dias aproximadamente 500 trabalhadores, alegando a necessidade da redução de custos decorrência da retração das vendas de sua linha de produtos, além do fim da concessão da isenção de impostos. As informações publicadas pelo Blog Jequié Repórter, não confirmadas ainda pela administração da empresa, dão conta de que o processo de dispensas nos últimos meses, já atingiu cerca de 700 operários. Ainda segundo o blog, o clima entre os trabalhadores é de apreensão em vista de que, correm rumores de que no próximo mês de junho novas demissões irão ocorrer  mais pessoas sejam demitidas. Com duas unidades independentes de produção de calçados femininos instaladas em Jequié, as empresas do mesmo grupo, Ramarim e  Confortfex, são consideradas as maiores empregadoras de mão de obra do município e região.  A empresa já chegou a ter um contingente de 6.000 operários número que estaria em torno de 3.000 trabalhadores no momento atual.
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

SineBahia de Ipiaú nega que esteja recebendo currículos específicos para obra do Gasoduto

desemppp

Foto: Ipiaú Online

Segundo informações do SineBahia, não procede as informações veiculadas por um blog do município de que já estariam aceitando curriculum pra para seleção de trabalhadores da obra Gasoduto Sudoeste. Um funcionário esclareceu que está havendo cadastramento de curriculum para vagas de empregos de forma geral, ou seja, as pessoas cadastram seus currículos no sistema e aguarda alguma empresa contratar. Sabe-se que até o momento, ainda não há empresa definida para se encarregar da obra, no último dia 11, ocorreu a primeira licitação com o intuito de definir a empresa licitante que ficará encarregada da construção do Gasoduto Sudoeste. De acordo com o presidente da BahiaGás, Luiz Gavazza, a previsão de início das obras é em setembro de 2017. No primeiro trecho do gasoduto, que se estende entre os municípios de Itagibá e Jequié, devem ser contratados mais de 200 trabalhadores diretos.  (Panorama Ipiaú)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ipiaú: Grande oportunidade para você que está desempregada e não sabe mais o que fazer

Para você que está desempregada e não sabe mais o que fazer, a Romance Favorita é uma ótima oportunidade para ganhar dinheiro, você faz o seu horário de trabalho, e para você que já tem emprego é uma oportunidade para ganhar uma renda extra.

Não perca tempo e ligue, seja uma vendedora de sucesso, e o melhor, você não precisa investir nada para começar a vender.  Mande uma mensagem no ZAP agora mesmo  73 81583465 ou ligue 73 99182-1442 . Diga que viu o anuncio no Panorama Ipiaú e ganhe um super brinde na aquisição do primeiro Kit. ZAP  73 81583465

Lucro de 30% à 40%
O que ñ vender pode devolver
Peças lindas e de qualidade
Vindas diretamente da fabrica
Variedades de mercadorias
Atendimento a domicílio
Investimento Zero $$

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Deputado do PSDB recua e vai “corrigir” projeto acusado de escravagista

Projeto é do deputado Nilson Leitão (Foto: Divulgação)

O polêmico projeto que pretende mudar a legislação trabalhista no campo terá a tramitação suspensa e o projeto será “corrigido”. O passo atrás foi dado pelo próprio autor do projeto, deputado Nilson Leitão (PSDB-MT). Com a decisão, será alterado o texto do projeto que foi acusado de escravagista ao prever descontar até 45% do salário para pagar alimentação e moradia dentro da fazenda, trabalhar 18 dias seguidos e permitir a venda de 30 dias de férias. “Já pedi ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a suspensão temporária da instalação da comissão e também para o projeto não tramitar”, explicou o deputado tucano. Leitão diz que, com essa suspensão, será possível “esclarecer, debater e corrigir qualquer interpretação diferente daquela que intencionamos”. O deputado não detalha quais pontos serão alterados nem em qual prazo ocorrerá o ajuste. Apesar do recuo, o deputado reafirma que o projeto de lei “assegura os direitos das partes, moderniza e formaliza a relação entre empregador e empregado” no campo. O projeto de lei 6.442 foi apresentado no fim do ano passado com o objetivo de flexibilizar regras e delimitar responsabilidades na relação trabalhista rural. “Se servem alimentação para você, isso tem um custo. Se oferecem moradia, tem custo. Alguém tem que pagar isso e isso tem que ser formalizado”, explicou o parlamentar. Para delimitar responsabilidades e reduzir o risco do empregador na Justiça do Trabalho, o projeto prevê que a remuneração poderá ter desconto de até 20% do salário mínimo “pela ocupação da moradia” e até 25% pelo “fornecimento de alimentação sadia e farta”. Assim, com valores atuais, a casa e comida levariam 45% do salário ou R$ 421,65. Para os defensores do projeto, a regra inverterá o entendimento da Justiça que tem somado benefícios aos salários para calcular indenizações e multas. (Bahia Notícias)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

A partir deste mês, estabelecimentos não podem mais se apropriar de gorjetas aos garçons

Em caso de descumprimento da norma, a Lei da Gorjeta prevê multa diária de 1/30 da média da gorjeta, segundo informou um advogado

empregados. A ideia é evitar que restaurantes, bares e hotéis, por exemplo, se apropriem dessa verba paga pelos clientes aos trabalhadores, destinando-a aos funcionários. A lei caracteriza as gorjetas como os valores pagos ao obreiro ou à empresa pelo cliente em razão de serviço ou adicional, incumbindo ao empregado mostrar ao empregador os valores recebidos durante o dia de trabalho para que a empresa possa fazer anotações na CTPS e Previdência Social dos trabalhadores, e permitir o pagamento das verbas sociais, previdenciárias e trabalhistas, tendo em vista que a gorjeta integra a remuneração do obreiro.  De acordo com o advogado Edison Teixeira, os empregadores podem reter até 20% e 33% da arrecadação correspondente às gorjetas recebidas, a depender do regime tributário em que está inscrita a empresa. A retenção tem de ser previamente estipulada em convenção ou acordo coletivo para ser válida. “A lei permite a criação de comissão de funcionários da própria empresa, quando houver mais de 60 empregados, ou comissão intersindical de trabalhadores para velar pela correta distribuição das gorjetas em locais com menor número de empregados”, comenta o especialista.

Punições

O advogado informa que, em caso de descumprimento da norma, a lei da gorjeta prevê multa diária de 1/30 da média da gorjeta, podendo ser triplicada se a conduta for praticada por mais de 60 dias, durante lapso de 12 meses. “Importante que empresas e empregados conheçam e vão se adequando à lei, pois ela está prevista para entrar em pleno vigor a partir de maio”, previne Edison.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

IBGE abre concurso para 24,9 mil vagas temporárias

Recenseador do IBGE (Foto: Reprodução / FAEPE)

Recenseador do IBGE (Foto: Reprodução / FAEPE)

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abre, nesta segunda-feira (24), as inscrições do processo seletivo para 24.984 vagas temporárias de níveis fundamental e médio. Os salários vão de R$ 1,6 mil a R$ 1,9 mil. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) é a organizadora responsável pela seleção. As oportunidades são para atuar no Censo Agropecuário 2017. Do total das oportunidades, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros.

As vagas de nível médio são para agente censitário municipal (1.272) e agente censitário supervisor (4.867). Os postos de nível fundamental são para recenseador (18.845). O salário será de R$ 1,9 mil para agente censitário municipal e de R$ 1,6 mil para agente censitário supervisor. Para recenseador, a remuneração será por produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio pelo recenseador, com base nas quantidades de unidades de estabelecimentos agropecuários recenseados. As inscrições podem ser feitas das 14h do dia 24 de abril até 23 de maio pelo site www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibge-pss. A taxa é de R$ 39,50 para nível médio e R$ 22 para nível fundamental. No ato da inscrição, o candidato deverá manifestar sua opção de função e UF/Posto de Coleta ou UF/Área de Trabalho, conforme o caso, em que deseja concorrer à vaga, e também, a UF/Posto de Coleta ou UF/Área de Trabalho onde realizará a prova. A prova objetiva será aplicada em 16 de julho, das 13h às 17h. A previsão de duração do contrato é de até 7 meses para agente censitário municipal e agente censitário supervisor e de até 5 meses para a função de recenseador.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Reforma incentiva pouco a contratar funcionários, diz pesquisa

A reforma trabalhista sozinha parece não incentivar muito os empresários a abrirem novas vagas de emprego. Isso é o que mostra levantamento da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) com 495 indústrias do Estado. Para 45,5% dos entrevistados, a reforma incentiva pouco a contratação de funcionários. Para outros 27,5%, a reforma não incentiva em nada a geração de empregos. Só 22,2% disseram que a reforma incentiva muito na criação de novos postos de trabalho. “A reforma sozinha tem um poder pequeno de geração imediata de vagas”, afirma o assessor de assuntos estratégicos da Fiesp, André Rebelo. Para ele, entretanto, a modernização da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), publicada em 1943, trará um ambiente melhor de negócios para o empresário. “Uma lei ruim não cria emprego, pelo contrário, uma lei ruim evita a geração de vagas. Mas um avanço na legislação incentiva a criação de novos postos”, afirma Rebelo.  A maioria das empresas entrevistadas concorda, pelo menos parcialmente, com as mudanças propostas pela reforma, como valorização das negociações e acordos coletivos e com a possibilidade de parcelamento das férias em três vezes, regulamentação da jornada de 12×36, intervalo para almoço de 30 minutos e teletrabalho (home office). Segundo Rebelo, um dos pontos positivos da reforma é que ela amplia a segurança jurídica dos empregadores na hora da demissão. Pelas leis atuais, os trabalhadores podem entrar com ações contra os antigos patrões até dois anos após a demissão para questionar pagamentos realizados nos últimos cinco anos. Com o argumento de evitar a ‘judicialização’, a reforma propõe mecanismos para inibir a abertura de ações judiciais. Um deles prevê que os trabalhadores assinem anualmente um termo de quitação de débitos trabalhistas. “Somos muito mais modernos do éramos nos anos 40, temos capacidade para negociar. A segurança jurídica permite que acordos firmados entre sindicatos e empresas não sejam contestados depois na Justiça”, diz Rebelo. A reforma trabalhista foi aprovada na semana passada na Câmara dos Deputados. O texto segue agora para análise do Senado.
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Desemprego ampliado no Brasil é quase o dobro da taxa oficial

A deterioração do mercado de trabalho no Brasil é muito mais profunda do que indicam as pesquisas tradicionais. Segundo estudo comparativo do banco Credit Suisse, o Brasil está entre os recordistas globais do chamado desemprego ampliado. O levantamento indica que o Brasil tem a sexta maior taxa de desemprego ampliado entre 31 países desenvolvidos e emergentes que foram avaliados. Em síntese, a taxa de desemprego tradicional considera apenas quem procura trabalho e não encontra. A taxa de desemprego ampliada usa uma métrica mais complexa: inclui quem faz bico por falta de opção e trabalha menos do que poderia ou desistiu de procurar trabalho – sofre do chamado “desalento”. De acordo com os dados mais recentes, do terceiro trimestre de 2016, a taxa de desemprego ampliada do Brasil bateu em 21,2% – quase o dobro do desemprego oficial, que nesse período alcançou 11,8%. Por esse critério, perto de 23 milhões de brasileiros estariam desempregados ou subutilizados. Numa comparação internacional, a taxa de desemprego ampliado do Brasil está bem acima da média dos países analisados, que é de 16,1%. Também fica acima da taxa de países com renda comparável a do Brasil, como México (18,3%) e Turquia (15,9%). O Brasil está atrás apenas de países profundamente afetados pela crise internacional: Grécia (o recordista, com 31,2% de desemprego ampliado), Espanha (29,75%), Itália (24,6%), Croácia (24,6%) e Chipre (23,8%).

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Vagas de emprego em Ipiaú

A rede fácil brasil, responsável pela produção e distribuição dos produtos marita, sendo um deles as balas marita life, que está em ascensão, com forte entrada no mercado, está recrutando pessoas com espírito empreendedor, para tornarem-se representantes da companhia, em qualquer cidade do território nacional! Quem tiver interesse em tornar-se um distribuidor autorizado das extraordinárias e emagrecedoras balas marita life, basta entrar em contato para maiores informações. Seja bem-vindo(a) à melhor empresa do brasil! A equipe cheiro de sucesso lhe espera, de braços abertos! Mais informações, clique aqui!

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Leilão da Ebal deverá ser marcado para o primeiro trimestre de 2017

dgfd

Loja da Cesta do Povo em Ipiaú permanece funcionando.

O leilão da Empresa Baiana de Alimentos (Ebal), que administra o programa Cesta do Povo, deverá acontecer no primeiro trimestre do próximo ano em data ainda a ser confirmada. A informação divulgada na imprensa da capital, foi confirmada à pelo superintendente de Estudos e Políticas Públicas da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SDE), Reinaldo Sampaio.  No início deste ano, a companhia chegou a marcar um leilão, na Bolsa de Valores de São Paulo, tendo preço fixado em R$ 81 milhões, mas o certame acabou sendo adiado por falta de interessados. Desde então, a companhia vem acelerando o processo de enxugamento com o fechamento de lojas. Apenas 96 lojas da Cesta do Povo ainda estão funcionando. Segundo a Associação Baiana dos Trabalhadores da Ebal/Cesta do Povo, revela que o programa chegou a ter 245 unidades. Cerca de mil funcionários foram demitidos, estando apenas 800 ainda trabalhando. “Ainda assim, recebendo salários atrasados e sem a primeira parcela do décimo terceiro”, denuncia o presidente da associação dos trabalhadores, Francis Tavares. “Duvidamos muito que a companhia, com dívidas que superam R$ 60 milhões, volte a ter maiores interessados”, diz Tavares. Ele acredita que o governo acabe optando pela liquidação da empresa, a exemplo do que ocorreu com a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA). O superintendente de Estudos e Políticas Públicas da SDE não faz maiores considerações sobre as demissões dos funcionários nem o processo que a associação ingressou na Justiça para que, pelo menos os funcionários que faltam até cinco anos para se aposentar sejam transferidos para outros órgãos estaduais. (A Tarde)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

População desempregada no Brasil sobe ao nível recorde de 12,042 milhões, revela IBGE

Foto: Reprodução / Ilustrativa

Foto: Reprodução / Ilustrativa

O País segue registrando aumento no número de desempregados. O total de desocupados alcançou o nível recorde de 12,042 milhões de pessoas no trimestre encerrado em outubro – 20 mil a mais do que no trimestre encerrado em setembro -, dentro da série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), iniciada em 2012 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado significa que há mais 2,971 milhões de desempregados em relação a um ano antes, o equivalente a um aumento de 32,7%. Ao mesmo tempo, o total de ocupados caiu 2,6% no período de um ano, o equivalente ao fechamento de 2,402 milhões de postos de trabalho. A taxa de desemprego só não foi mais elevada porque 1,462 milhão de brasileiros migraram para a inatividade no período de um ano. O aumento na população que está fora da força de trabalho foi de 2,3% no trimestre encerrado em outubro ante o mesmo período de 2015. Como consequência, a taxa de desemprego manteve-se no patamar recorde de 11,8% no trimestre até outubro, mesmo resultado registrado nos trimestres encerrados em agosto e setembro. O País perdeu 1,323 milhão de vagas com carteira assinada no período de um ano. O total de postos de trabalho formais no setor privado encolheu 3,7% no trimestre encerrado em outubro ante o mesmo período do ano anterior, segundo os dados da Pnad Contínua. Já o emprego sem carteira no setor privado teve aumento de 1,6%, com 165 mil empregados a mais. O total de empregadores aumentou 2,1% ante o trimestre encerrado em outubro de 2015, com 85 mil pessoas a mais. O trabalho por conta própria encolheu 3,2% no período, com 725 mil pessoas a menos nessa condição. Houve redução ainda de 10 mil vagas na condição do trabalhador doméstico, 0,2% de ocupados a menos nessa função. A condição de trabalhador familiar auxiliar também encolheu, 18,8%, com 478 mil ocupados a menos. Em meio à crise na produção, a indústria permanece eliminando empregados no País. A atividade cortou 1,157 milhão de trabalhadores no período de um ano, segundo dados da Pnad Contínua. O total de ocupados na indústria recuou 9,1% no trimestre encerrado em outubro ante o mesmo período do ano anterior. “Frente ao segundo ano da crise, a indústria ainda encolheu 1,157 milhão de vagas”, ressaltou Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE. A construção demitiu 501 mil postos de trabalho em outubro ante um ano antes, enquanto o comércio dispensou 454 mil empregados. “Justamente o comércio, que poderia estar se preparando para a Black Friday ou para o final do ano”, lembrou Azeredo. Outras atividades que cortaram vagas foram agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura (-478 mil empregados), informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas (-585 mil ocupados) e serviços domésticos (-4 mil empregados). Houve aumento no contingente de trabalhadores de alojamento e alimentação (+326 mil empregados), administração pública, defesa, seguridade social, educação, saúde humana e serviços sociais (+236 vagas), outros serviços (+136 mil pessoas) e transporte, armazenagem e correio (+83 mil ocupados).
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Ipiaú: Agência do Banco do Brasil abre vagas no Programa Jovem Aprendiz

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O programa Jovem Aprendiz Banco do Brasil é voltado a estudantes da rede pública de ensino que tenham muita vontade de começar a trabalhar e conquistar independência financeira. É muito difícil entrar no mercado de trabalho quando se é jovem e inexperiente, já que as empresas geralmente optam por quem tem currículos recheados de cargos anteriores e anos de carreira. Através do programa Jovem Aprendiz Banco do Brasil 2017, o jovem começa a trabalhar diretamente no Banco do Brasil e aprende na prática todas as atividades e rotinas de um banco. Ter uma experiência como essa no currículo é excelente pois as chances de conquistar futuramente uma vaga de trabalho em grandes empresas aumentam. Os interessados nas vagas para a agência local do Banco do Brasil devem procurar as secretarias das escolas Celestina Bittencourt, Colégio Estadual de Ipiaú, Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães e Centro Técnico Profissionalizante de Ipiaú (CETEP ).

O Banco do Brasil exige alguns requisitos para quem quer se candidatar. Abaixo listamos todos eles. Conheça-os:

  • A idade do candidato deverá ser entre 15 e 15 anos e 10 meses completos.
  • Ele deve ser estudante de escola pública e estar matriculado no nível Fundamental ou Médio.
  • É necessário ter uma renda familiar per capita de até meio salário mínimo.
  • Se for beneficiário de algum programa do governo de transferência de renda, terá mais chances de ser aprovado.
  • O jovem deverá ter disponibilidade para cumprir uma jornada de trabalho de apenas 5 dias por semana com 5 horas diárias, sendo 4 dias no banco e 1 dia em alguma entidade sem fins lucrativos determinada pelo banco.
WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Governo da Bahia abre inscrições para concurso da Agerba; salário inicial é de R$ 6 mil

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O governo do estado abrirá, na próxima segunda-feira (21), inscrições para concurso da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). Serão ofertadas 60 vagas – 24 para o cargo de Especialista em Regulação e 36 para Técnico em Regulação – sendo que 30% deste total será reservado a candidatos que se declararem negros e 5% para pessoas com deficiência. O concurso é promovido pela Secretaria da Administração do Estado (Saeb) e atende ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre Agerba e Ministério Público Estadual. O edital de abertura de inscrições foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (17). As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, no site da organizadora do certame, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (acesse aqui), até o dia 20 de dezembro, observando o horário de Brasília. Para o cargo de Especialista em Regulação, a inscrição será R$ 140. Já para Especialista, o valor será R$ 70. O candidato só poderá realizar uma inscrição para o referido concurso. A homologação das inscrições será disponibilizada pela organizadora a partir do dia 27 de dezembro. Para concorrer ao cargo de Especialista em Regulação, o candidato deve possuir formação superior em Administração, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis, Direito, Estatística, Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Química, Engenharia de Computação, Engenharia Mecânica, Engenharia Naval, Engenharia de Transportes, Ciência da Computação, Processamento de Dados, Análise de Sistemas, Informática, Sistemas de Informação ou Tecnologia da Informação. As 24 vagas ofertadas serão distribuídas entre Salvador, sede da Agerba (20 vagas) e os municípios de Barreiras (1 vaga), Bom Jesus da Lapa (1 vaga), Seabra (1 vaga) e Teixeira de Freitas (1 vaga) – sendo seis reservadas para negros e uma para pessoas com deficiência, todas em Salvador. Em todos os casos, a função terá carga horária de 40 horas semanais e a remuneração inicial será no valor de R$ 6.021,64. Já para o cargo de Técnico em Regulação é exigido o Ensino Médio, desde que se apresente certificado reconhecido do Ministério da Educação (MEC), ou técnico profissionalizante, desde que observadas as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Técnico. As 36 vagas serão distribuídas por Salvador (15 vagas) e pelos municípios de Alagoinhas (2 vagas), Barreiras (3 vagas), Bom Jesus da Lapa (2 vagas), Feira de Santana (2 vagas), Itabuna (2 vagas), Jequié (1 vaga), Juazeiro (2 vagas), Santo Antônio de Jesus (1 vaga), Seabra (3 vagas), Teixeira de Freitas (2 vagas) e Vitória da Conquista (1 vaga). Deste total, seis serão reservadas para negros (Barreiras, Salvador e Seabra) e uma para pessoas com deficiência (Salvador). Em todos os casos, a função terá carga horária de 40 horas semanais e a remuneração inicial será no valor de R$ 2.146,37. O concurso público terá sistemas diferentes para avaliação. Candidatos ao cargo de especialista serão submetidos a três etapas: Provas Objetivas, Prova Discursiva (ambas de caráter eliminatório e classificatório) e Prova de Títulos, apenas classificatória. Candidatos à função técnica apenas passarão pelas Provas Objetivas e Prova Discursiva. Todas as etapas serão realizadas em Salvador. A realização da primeira e segunda etapas, para os dois cargos, está prevista para o dia 29 de janeiro de 2016. Serão disponibilizadas 4h30 para responder às questões e preencher a folha de respostas. Informações sobre as etapas subsequentes, assim como cronograma do certame e o conteúdo programático, estão disponíveis no edital. Este concurso público terá validade de dois anos.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Cidade na Nova Zelândia com ‘empregos demais’ tenta atrair novos moradores

 Cidade tem salários iniciais de quase R$ 10 mil por mês (Foto: Destination Clutha)

Cidade tem salários iniciais de quase R$ 10 mil por mês (Foto: Destination Clutha)

A pequena cidade de Kaitangata, na Ilha do Sul, na Nova Zelândia, tem um problema relativamente único: excesso de casas com bons preços e falta de gente para morar nelas. Agora, os moradores estão tentando convencer pessoas que moram nas cidades mais caras do país a se mudar para lá. Cerca de 800 pessoas moram em Kaitangata. No local, há uma escola de ensino fundamental, um bar e uma pizzaria. Na semana passada, a loja de conveniência da cidade fechou porque seus donos se aposentaram. A administração de Kaitangata se aliou a empresários locais para oferecer vantagens para novos moradores, como descontos nos custos legais de comprar uma propriedade ou novas oportunidades de trabalho. Em cidades grandes como Auckland, o desemprego é bem maior e a moradia é muito mais cara. Enquanto isso, a região de Clutha, onde fica Kaitangata, tem cerca de mil postos de trabalho disponíveis. “Quando eu estava desempregado e tinha uma família para alimentar, Clutha me deu uma chance, e agora a gente quer oferecer essa oportunidade para outras famílias kiwi (apelidos dos neozelandeses) que possam estar em dificuldade”, diz o prefeito de Clutha, Bryan Cadogen, ao jornal britânico The Guardian. “O desemprego de jovens aqui está em dois. Não 2% – só duas pessoas jovens estão desempregadas”, conta. “Fico desesperado com o jeito que algumas famílias estão tendo de viver atualmente. Muitas das coisas valorizadas pelos kiwis, como ter casa própria e sustentar sua família, viraram um sonho impossível. Para muitas pessoas na Nova Zelândia, a vida é uma labuta eterna. E isso me deixa muito triste.” Ele já descreveu alguns dos empregos disponíveis em seu distrito como “fenomenalmente bons”, com alguns salários com pagamentos iniciais de 50 mil dólares neozelandeses (cerca de R$ 115 mil) anuais – cerca de R$ 10 mil mensais. Uma procura rápida no site de empregos online mostra oportunidades nas áreas de enfermagem, construção e nas Forças Armadas. Muitas áreas rurais na Nova Zelândia estão enfrentando problemas semelhantes. “Estamos todos competindo por imigrantes e por isso é cada vez mais difícil para municípios rurais, principalmente, atrair pessoas – na verdade até para manter a sua própria população – do que era no passado”, diz um documento produzido pelo distrito de Clutha. “E enquanto jovens historicamente deixaram o distrito, agora estamos sendo atingidos duplamente com a taxa de natalidade baixa e alto número de idosos.” Isso tudo ocorre enquanto outras cidades enfrentam o problema contrário: neste mês, Auckland lançou um projeto que vai pagar pessoas que precisam de moradia social para se mudar da cidade.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Trabalhou antes de 1988? Você pode ter valores a receber dos PIS/PASEP

1414

O CGU (Controladoria-Geral da União) calcula que existem cerca de 15,5 milhões de pessoas que, mesmo sem saber, têm o direito de receber dinheiro do Fundo PIS/Pasep. As informações são do UOL. O PIS/Pasep é um fundo onde, até 1988, as empresas e órgãos públicos depositavam quantias em nome dos funcionários e servidores. Dessa maneira, cada trabalhador é um cotista do fundo. Portanto, as pessoas que trabalharam como contratado em uma empresa ou eram servidores públicos antes de 1988, podem sacar os recursos do fundo.  Segundo apuração da reportagem, esse é um direito diferente do abono salarial (o abono do PIS), concedido pelo Ministério do Trabalho e Emprego, e tem um reajuste anual. O valor pode ser sacado na aposentadoria, quando o trabalhador fica com uma doença grave ou completa 70 anos. Em caso de morte, os dependentes passam a ter direito.  Para saber se tem direito ao valor, o trabalhador pode se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal, caso tenha sido contratado de uma empresa privada; ou a agência do Banco do Brasil, se era servidor público. É preciso estar munido de um documento com foto e informar seu número PIS ou Pasep ou apresentar o CPF.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

85/95 eleva para 60 anos a idade da aposentadoria

Antes do novo calculo a aposentadoria por tempo de contribuição era de 55 anos.

Antes do novo calculo a aposentadoria por tempo de contribuição era de 55 anos.

Os trabalhadores que foram beneficiados pela nova fórmula 85/95 se aposentaram quatro anos mais velhos na comparação com os que pediram o benefício com o fator previdenciário entre julho e dezembro de 2015. Antes da criação do 85/95, em junho de 2015, a média de idade em que os homens pediam a aposentadoria por tempo de contribuição era de 55 anos. Nesse caso, a diferença é de cinco anos na comparação com os benefícios calculados com o 85/95. De julho a dezembro de 2015, a idade média dos homens que garantiram o benefício integral com o 85/95 é de 60 anos, ante 56 anos dos que tiveram o cálculo com o fator. As informações foram levantadas pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Desemprego continua subindo e fecha trimestre em 8,7%

Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

A taxa de desemprego no Brasil segue crescendo e fechou em 8,7% o trimestre encerrado em agosto, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Ibge) nesta quinta-feira (29). O número da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua é o maior desde 2012, quando começou a série histórica. A estimativa é que o país tem atualmente 8,8 milhões de pessoas sem emprego, o que representa um crescimento de 7,9% em relação trimestre entre março a maio deste ano. Na comparação com o mesmo período do ano passado (entre junho e agosto), o aumento é de 29,6%. No trimestre encerrado em maio, a desocupação ficou em 8,1%. O rendimento médio dos trabalhadores apresentou queda, ficando em R$ 1.882 no trimestre, valor que representa uma baixa de 1,1% em relação ao período entre março e maio.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Caixa abre inscrição para estagiários

O CIEE está recrutando candidatos para formação de cadastro reserva destinado ao programa de estágio da Caixa. Podem participar estudantes do 1º ao penúltimo semestre do nível médio e técnico (administração, finanças, secretariado e segurança do trabalho), com idade a partir de 16 anos, matriculados nos períodos matutino ou noturno, para jornada de 5 ou 4 horas diárias de estágio, oferecendo bolsa-auxílio de R$ 500 e R$ 400 respectivamente, e auxílio-transporte de R$ 130/mês. Alunos de Educação Jovens e Adultos (EJA), também podem participara do processo seletivo. A inscrição deverá ser realizada gratuitamente no site www.ciee.org.br, entre os dias 19 de agosto e 2 de setembro. Após inscritos, os candidatos deverão fazer uma prova on-line, no mesmo site. As normas para realização da prova estão disponíveis no site do CIEE, onde também pode ser conferida a relação de cidades incluídas na convocação.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Doce Mel fará seletiva para o cargo de Técnico do Trabalho

O Grupo Doce Mel fará uma seletiva para o curso de Técnico de Segurança do Trabalho nos próximos dias. Os interessados devem encaminhar currículo para a empresa ou encaminhá-los para nei@docemel.com.br até 24/07. O candidato precisa ser formado no Curso Técnico de Segurança do Trabalho, porém não é obrigatório a comprovação de experiência na área.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Senado aprova MP que muda regras de acesso ao seguro-desemprego e abono salarial

A maior polêmica em relação ao texto se deu em torno do artigo que traz as mudanças no abono salarial.

O plenário do Senado aprovou, sem alterações em relação ao texto da Câmara, a Medida Provisória (MP) 665, que altera as regras para acesso do trabalhador ao seguro-desemprego, ao seguro-defeso e ao abono salarial. A matéria segue agora para sanção da presidenta Dilma Rousseff. Em longa e apertada votação, com 39 votos favoráveis e 32 contrários, o governo conseguiu o apoio da maior parte de sua base para garantir que o texto fosse aprovado sem mudanças e não precisasse retornar para última análise dos deputados, o que poderia fazer com que a MP perdesse a validade por decurso de prazo. A maior polêmica em relação ao texto se deu em torno do artigo que traz as mudanças no abono salarial. Atualmente, o trabalhador que tiver trabalhado no ano anterior pelo menos 30 dias com carteira assinada e tiver recebido até dois salários-mínimos, tem direito ao abono de um salário-mínimo. As novas regras aprovadas pelo Congresso estabelecem que ele terá que ter trabalhado pelo menos 90 dias no ano anterior e receberá o benefício proporcionalmente ao tempo trabalhado. Assim, ele receberá um doze avos do salário-mínimo por cada mês trabalhado, conforme as regras que valem para o pagamento de 13º salário. Leias Mais

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Prefeitura de Ipiaú informa local da prova do concurso público

Foto: Divulgação

A prefeitura de Ipiaú divulgou, nesta quarta (25), por meio de edital os locais onde será realizada a prova do concurso do município. Para saber o local, basta acessar o site da prefeitura de Ipiaú. A prova será realizada no dia 08 de março, às 08h da manhã. O concurso público municipal oferece vagas em cargos de profissionais de níveis alfabetizado, fundamental e superior nas áreas de governo, planejamento administração, educação, cultura, infraestrutura, serviços públicos e ação social e desporto. As inscrições ainda estão abertas. (Panorama Ipiaú)

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint

Amargosa tem concurso com 133 vagas e salários até R$ 8 mil

A Prefeitura e a e Câmara Municipal de Amargosa estão oferecendo 133 oportunidades de emprego mais formação de cadastro reserva por meio de concurso público para profissionais com níveis de escolaridade fundamental, médio e superior. Os aprovados irão atuar em jornadas semanais que vão até 40 horas e salários entre R$ 788,00 e R$ 8.486,40. As oportunidade são para os cargos de Auxiliar de Infraestrutura (6); Encarregado de Serviços Gerais (30); Agente de Infraestrutura nas funções de Pedreiro (3); Pintor (1); Carpinteiro (1); Eletricista (1); Auxiliar de Serviços Administrativos Educacionais nos postos de Merenda e Limpeza (7); Auxiliar de Serviços Gerais (1); e Motorista (1) para a Câmara Municipal; Agente de Trânsito (2); Fiscal de Tributos (1); Técnicos Agrícola (1); Enfermagem (10); Laboratório (2) e Radiologia (1). Também há vagas para Vigilância Sanitária (1); Assistentes nos segmentos de Administrativo (6); Motorista Escolar (2); Assistente Administrativo Educacional (2); Assistente de Classe (1); Assistente Administrativo – Câmara Municipal (6); Assistente de Nutrição (1); Atendente de Consultório Dentário (4); Fiscal Ambiental (1); Fiscal de Serviços Públicos (1); Motorista (2); Operador de Máquinas Pesadas (2); Agente de Combate às Endemias (2). Os interessados também podem concorrer a vagas de Analistas de Serviços e Obras Públicas (1); e de Controle Interno (1); Analista de Suporte a Informática (1); Biólogo (1); Nutricionista (2); Auditor Contábil (1); Psicólogo (2); Assistente Social (1); Fisioterapeuta (1); Terapeuta Ocupacional (1); Fonoaudiólogo (1); Auditor em Saúde/ Médico (1); Engenheiro Agrônomo (1); Arquiteto (1); Engenheiros Ambiental (1); e Civil (1); Médico Veterinário (1); Sanitarista/ Enfermeiro (1); Bioquímico (1); Enfermeiro (4); Odontólogo (4); e Médicos nas áreas de Clínico Geral (4); e Pediatra (1). Os interessados em uma das vagas devem se inscrever até o dia 5 de fevereiro de 2015, por meio do site da Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico (Fundação CefetBahia). As taxas vão de R$ 30,00 a R$ 75,00. O certame constará de Prova Objetiva de Conhecimentos Gerais e Específicos e de Títulos, conforme o que for determinado por cada vaga. A data provável para realização da primeira parte é 15 de março de 2015. A validade deste concurso é de dois anos.

WhatsAppLinkedInGoogle+Outlook.comGoogle GmailEmailPrint